Estudo sobre o impacto da pandemia COVID-19 nas Unidade de Saúde Pública
Poster_-_A_handkerchief_in_time_saves_nine.jpg

Poster do Ministério da Saúde do Reino Unido, da década de 40.

Data da última atualização desta página:
23 de agosto de 2021

Data de início do Projecto:
Fevereiro de 2021

Equipa de investigação:
Paulo Nicola (Unidade de Epidemiologia, IMPSP, ISBE, ISAMB, FMUL)
Mariana Pina Tomé (Instituto Superior Técnico)
David Ricardo Galhano Lopes (USP, ACES Loures-Odivelas, ISBE, FMUL)
Manuel Bragança Pereira (USP, ACES Loures-Odivelas, ISBE, FMUL)
Tânia Rodrigues Pereira Ramos (Instituto Superior Técnico)
António Vaz Carneiro (IMPSP, ISAMB, ISBE, FMUL)
Rui Portugal (IMPSP, ISAMB, ISBE, FMUL)
+ Rede de Investigação em Saúde Pública

Entidade Financiadora:
Fundação para a Ciência e Tecnologia – Research4COVID-19/818

Colaborações e parcerias:
Direção Geral de Saúde
ACSS - Administração Central do Sistema de Saúde
ARS-LVT - Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo
ACES Loures-Odivelas

Breve descrição:
A pandemia COVID-19 mudou drasticamente a forma como as Unidades de Saúde Pública (USP) funcionam, tornando necessário conhecer, de forma sistematizada, a realidade das USP durante as várias fases da pandemia, e que alterações decorram comparativamente à sua realidade pré-pandémica.

Para tal foi desenvolvido um questionário dirigido a todas as USP de Portugal continental, de forma a fazer o levantamento nacional das mudanças organizacionais, de funcionamento, estrutura e recursos.

Este estudo permitirá recolher um conjunto de dados, boas práticas, experiências e perspetivas, cuja análise será um contributo relevante para a promoção de um debate sobre a organização da Saúde Pública bem como da sua articulação com as restantes entidades constituintes do Sistema de Saúde.

Objectivos:
- Descrever e compreender as mudanças nos recursos, atividades, práticas e processos;
- Compreender o desenvolvimento temporal de tais alterações e se os agrupamentos de formulários e/de estão relacionados com outras características (por exemplo, existência de pólos, região, contexto urbano vs não urbano e outras características demográficas do contexto de atuação);
- Identificar novas práticas relevantes e lições para a preparação para a saúde pública, bem como alterações que não trouxeram os resultados esperados;

Documentos:

Newsletters
Newsletter #1 20 Ago 2021 Ponto de situação; dados preliminares: impacto da pandemia na atividade das USP; website; inquérito online com módulo interativo; coordenadores regionais; experinência de preenchimento do inquérito online; próximos eventos Link

Se pretender receber as newsletters, clique aqui.

Webinares


Trabalhos planeados ou em desenvolvimento:

Atividade Objetivos Ponto de situação
Desenvolvimento do questionário online Finalizado
(julho de 2021)
Envio dos questionários aos coordenadores das USP Finalizado
(6 agosto 2021)
Primeira análise preliminar Primeira análise de dados e quadros estatísticos preliminares, a partilhar com os coordenadores e colaboradores das USP Aguarda preenchimento dos dados dos questionários
Entrevista semi-estruturada ao respetivo coordenador (se necessário) Clarificar ou aprofundar as respostas dadas no questionário Aguarda
Webinar Discussão de resultados preliminares Previsto para 28 setembro 2021
Artigo científico Em construção
Receção de propostas para análises de dados e publicações Disponibilizar os dados à comunidade de Médicos de Saúde Pública e outros investigadores Previsto para setembro
Voltar ao início

Fórum de discussão e comentários
Fórum aberto, sem moderação prévia.

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License